Blog

Motion Design – como foi criado?

Uma animação recheada de formas geométricas, ícones, textos e muitas ilustrações, que vai contra aqueles desenhos em 2D, feitos quadro a quadro, que conhecemos tão bem graças às animações da Disney.

Esse é o Motion design, uma técnica onde a criatividade consegue trazer enorme vida à tela e que surgiu em uma época onde sequer se sonhava com a existência de programas ultra modernos, como o After Effects, capazes de criar efeitos inacreditáveis com pouquíssimos comandos.

Arte para site

Aliás, o Motion design é tão antigo quanto o próprio cinema. Na verdade, essa técnica nasceu junto com a sétima arte, acompanhando as técnicas de stop motion surgidas na época e que, com o decorrer do tempo, acabaram influenciando na criação desta forma de animação.

Conforme o cinema foi evoluindo, o Motion design acompanhou essa mudança, e pôde ser percebido nos créditos iniciais de clássicos do cinema, como Psicose ou Um corpo que cai, graças ao emprego de técnicas de animação incríveis, e que conseguiam realizar verdadeiras proezas, se considerarmos a tecnologia disponível na época.

motion design 1

TV - Motion Design

Depois de seu advento no cinema, o Motion design foi incorporado por um meio de comunicação revolucionário, e que foi o responsável por espalhar cultura e entretenimento aos lares de milhões de pessoas mundo afora: a televisão.

No Brasil, por exemplo, podemos ver amostras do Motion design nas icônicas vinhetas criadas pelo designer Hans Donner, da Rede Globo, que por décadas foi o responsável por criar as aberturas de programas famosos da emissora, dentre eles o Fantástico.

No mundo, o Motion design pôde ser visto nas aberturas criadas para a rede de notícias CNN, tão modernas que impactavam os telespectadores, tanto quanto o conteúdo jornalístico exibido pelos telejornais da emissora.

motion design 2

Music Television (MTV)

No entanto, foi na década de 1970 que vimos o Motion design ganhar força e inundar as criações televisivas de todo o mundo. O que motivou esse fenômeno? A criação de um dos canais musicais mais relevantes de todos os tempos: a MTV.

Chegando por aqui na década de 1990, a MTV revolucionou tudo o que pensávamos já ter conhecido em Motion design ao nos brindar com aberturas icônicas de seus principais programas, abusando não só da irreverência mas, sobretudo, da criatividade.

Os efeitos aplicados não apenas brincavam com o logotipo da emissora como também passavam ao público que assistia ao canal a mensagem da emissora: de que ali havia muita liberdade, modernidade e principalmente criatividade, para que os jovens pudessem expressar suas ideias sem medo dos julgamentos que poderiam sofrer.

motion design 3

Internet

Foi com o advento da internet que, sem dúvida, o Motion design ganhou ainda mais força e importância. Mas, calma, isso não quer dizer que, logo de cara, surgiram programas incríveis e que facilitaram os processos, ao contrário.

No início dos tempos online, a criação dos efeitos usando essa tecnologia era, digamos, um pouco mais rudimentar, com a utilização de programas como o Flash. Apesar das limitações, ele permitia o desenvolvimento de animações de tirar o fôlego, fruto de mentes extremamente prodigiosas.

Atualmente, o Motion design já está tão inserido em nossas vidas que podemos encontrar exemplos dessa tecnologia até mesmo em anúncios publicitários, veiculados dentro e fora da rede.

EBOOK ANTES VENDIDO POR R$ 28 AGORA PODE SER BAIXADO GRÁTIS.

Preencha o formulário que entraremos em contato com você!

Garantimos segurança com seus dados.