Blog

Drone para o agronegócio – diferenciais das imagens aéreas

Os drones tem se tornado um verdadeiro fenômeno nos últimos tempos. Usados inicialmente para vigilância, a tecnologia tem visto sua utilização ser expandida para outro setores da economia.

Um dos que vem usando cada vez a tecnologia dos drones a seu favor é o agronegócio. Capazes de fotografar e acompanhar a evolução de vastos campos, esses equipamentos trazem melhorias a fazendas e plantações que justificam os custos elevados de sua aquisição.

Além de conseguir filmar e fotografar até os pontos mais remotos em uma fazenda ou pasto, os drones tem a seu lado uma característica extremamente útil, principalmente para quem deseja aumentar o rendimento de seus negócios: a qualidade das imagens.

Arte para site

As fotos e vídeos produzidos por drones são captados em alta resolução, permitindo que os administradores das áreas acompanhem a evolução das plantações e o comportamento dos animais praticamente em tempo real.

Com toda essa definição é possível identificar, por exemplo, locais nas plantações onde é necessário realizar ações para melhorar a qualidade dos produtos colhidos ou, em áreas de pasto, identificar caso algum animal esteja com problemas de saúde ou sendo ameaçados por predadores.

Drone para o Agronegócio - Faça uso dessa tecnologia 

Vigilância

Para o agronegócio, o drone possibilita também uma alternativa para que os fazendeiros vigiem suas plantações e criações. Como sabemos, nessas áreas é comum, infelizmente, o roubo de animais ou de insumos.

Dependendo da quantidade de animais levados ou da quantidade de insumos e equipamentos subtraídos, o prejuízo pode ser grande. Em alguns casos pode, inclusive, inviabilizar a produção da área.

Acompanhar a evolução da área

Um fazendeiro que adquira um drone consegue, ainda, acompanhar a evolução de seu lote de terras. É possível ter uma boa visão de como está o rebanho, se as áreas verdes estão diminuindo ou aumentando, se há pontos secos ou de queimadas, por exemplo.

Em terras localizadas em pontos que sofrem com o clima seco ou em que costumam ocorrer queimadas frequentes em determinadas épocas do ano, ter esse tipo de informação pode representar a diferença entre o prejuízo ou o lucro ao final da colheita ou da venda do gado.

Planejar as próximas ações

Ter um drone em suas terras torna possível que você faça todo o planejamento para o manejo do local. Quem tem plantações pode, por exemplo, verificar o desenvolvimento do cultivo e, caso seja identificada a necessidade de correções, definir onde e em que quantidades serão aplicados os fertilizantes para corrigir a produção.

No caso de áreas que estejam sofrendo com a ação de fungos ou outras pragas que coloquem em risco a saúde de sua plantação, o drone permitirá que o agricultor mensure a área afetada e possa disponibilizar a quantidade correta de defensivos agrícolas para conter a ameaça.

Quem opta por estratégias menos agressivas, como o uso de predadores naturais para combater fungos ou insetos, por exemplo, também consegue acompanhar com um drone quais os resultados da ação.

Em suma, o drone permite gerenciar sua fazenda da melhor maneira possível, direcionando os recursos apenas para pontos onde sejam realmente necessários, evitando assim o desperdício.

 

EBOOK ANTES VENDIDO POR R$ 28 AGORA PODE SER BAIXADO GRÁTIS.

Preencha o formulário que entraremos em contato com você!

Garantimos segurança com seus dados.